Emergência de ambiente propício à aprendizagem da relação entre projeto pedagógico e ambiente virtual em cursos a distância: uma abordagem complexa

Eliamar Godoi, Roberval Montes da Silva

Resumen


Esse trabalho analisa um curso de graduação em Língua Inglesa ofertado à distância. A análise foi orientada pela teoria da complexidade cujo enfoque foi mais nas relações entre seus elementos e interagentes e menos nos resultados. Considerando o Projeto Pedagógico do curso analisado como um documento contextualizado, um dos desafios apontados nesse estudo consiste em buscar o melhor entendimento de fatores que possam facilitar a construção de um ambiente que seja propício à aprendizagem dos cursitas em EAD. Para esse estudo, adotamos algumas noções da teoria do caos/complexidade que serviram de base epistemológica para as análises e discussões desta pesquisa. Buscamos evidências de propriedades dos sistemas complexos tais como emergência, atratores, auto-organização, adaptabilidade e sensibilidade à condições iniciais e a fatores externos que incidiram nesse curso considerado um sistema complexo. Para tal, a análise incidiu na relação entre projeto pedagógico do curso e o seu Design instrucional bem como nas interações, nos fatores e elementos que puderam influenciar positiva ou negativamente a emergência de um ambiente favorável à aprendizagem. Da relação entre projeto pedagógico e ambiente virtual emergiram padrões de dimensões sociais tais como reciprocidade, colaboração ou a falta dela, ambientação e tentativas de aprendizagem. Entendemos que a melhor compreensão das características, funcionamento e padrões emergentes em cursos de graduação a distância possa contribuir para as discussões voltadas às práticas colaborativas com enfoque na aprendizagem em ambiente virtual.

Palabras clave


Ambiente de aprendizagem; complexidade; educação a distância.

Texto completo:

PDF (Português (Portugal))

Referencias


Bicudo, M. A. V. (2011). Aspectos da pesquisa qualitativa efetuada em uma abordagem fenomenológica. In M. A. V. Bicudo, Pesquisa qualitativa segundo a visão fenomenológica. (pp. 29-40). São Paulo: Cortez.

Braga, J. C. F. (2009). A presença cognitiva em comunidades de aprendizagem On-line. In V. L. M. O. Paiva, e M. Nascimento, Sistemas adaptativos complexos: língua(gem) e aprendizagem. (pp.131-148). Belo Horizonte: Faculdade de Letras da UFMG.

Fleischer, E. (2009) Caos/complexidade na interação humana. In V. L. M. O. Paiva, e M. Nascimento, Sistemas adaptativos complexos: língua(gem) e aprendizagem. (pp. 73-92). Belo Horizonte: Faculdade de Letras da UFMG.

Filatro, A. (2007). Design instrucional contextualizado. 2. ed. São Paulo: Editora Senac.

________. (2008). Design instrucional na prática. São Paulo: Pearson Education do Brasil.

Larsen-Freeman, D; Cameron, L. (2008). Complex systems and Applied Linguistics. New York: Oxford.

Leffa, V. J. (2006). Transdisciplinaridade no Ensino de Línguas: a perspectiva das Teorias da Complexidade. Revista Brasileira de Linguística Aplicada, 6(1), 27-49.

Lorenz, E. N. (1993).The Essence of Chaos. Seattle: University of Washington Press. Morin, E. (2003). Introdução ao pensamento complexo. Lisboa: Piaget.

Paiva, V. L. M. (2009). Caos, complexidade e aquisição de segunda língua. In V. L. M. O. Paiva, e M. Nascimento, Sistemas adaptativos complexos: língua(gem) e aprendizagem, (pp. 187-204). Belo Horizonte: Faculdade de Letras da UFMG.

Sobral, A. (2011). Reflexões sobre as concepções de leitura de alunos de Mestrado. In A. M. F. Barcelos, (Org.), Linguística Aplicada: reflexões sobre ensino e aprendizagem de língua materna e língua estrangeira. (pp. 47- 66). Campinas: Pontes Editores. Coleção: Novas perspectivas em Linguística Aplicada, v. 13.

Souza, V. V. S. (2011). Dinamicidade e adaptabilidade em comunidades virtuais de aprendizagem: uma textografia à luz do paradigma da complexidade. 256 f. Tese (Doutorado em Estudos Linguísticos)–Faculdade de Letras, Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, MG.

Universidade Federal de Uberlândia– Instituto De Letras E Linguística. (2010). Projeto Pedagógico do Curso de Letras: Licenciatura em Inglês e literatura de Língua Inglesa–PARFOR. Modalidade a Distância. Comissão PARFOR. Uberlândia: UFU/ILEEL.




DOI: http://dx.doi.org/10.5944/ried.18.1.13806

Enlaces refback

  • No hay ningún enlace refback.




RIED. Revista Iboeroamericana de Educación a Distancia
(La Revista Iberoamericana de la Educación Digital)

 
Director/Editor : Lorenzo García Aretio
UNED, Facultad de Educación
C/ Juan del Rosal, 14
28040 Madrid (Spain).
ried@edu.uned.es 
ISSN :1138-2783
E-ISSN : 1390-3306
Depósito Legal : M- 36.279 -1997
Edita: Asociación Iberoamericana de Educación Superior a Distancia (AIESAD
)    

Reconocimiento NoComercial (by-nc): Se permite la generación de obras derivadas siempre que no se haga un uso comercial. Tampoco se puede utilizar la obra original con finalidades comerciales.
SÍGUENOS EN:

https://2.bp.blogspot.com/-wtzwURZeg6I/V_y8vM5DmdI/AAAAAAABKKQ/y_fW6U2dW3cOLG6z-tUwJ9u1Pwt9ltXHACLcB/s320/blogger_b_logo.jpg   https://4.bp.blogspot.com/-Q3lAzaCezXA/V_TZ0BTuIkI/AAAAAAABKF4/wP8QRQVCPiQnk0sE7nEDnZHY5F03AOjbgCLcB/s200/twitrer_120%2B%25281%2529.jpg  https://4.bp.blogspot.com/-4So1RLxqN7Q/VHMWABdXX9I/AAAAAAAAb4E/mV00Ac5Gm-Q/s1600/fb_icon_325x325.png    https://1.bp.blogspot.com/-S7ecZmnt3os/Vzmf77J7EfI/AAAAAAABEYc/g3MJ_0z_noUtAiLS7MRRHXgzOkGbZbfUACLcB/s200/scholar_logo_lg_2011.gif 
 

Colaboran con RIED:

https://2.bp.blogspot.com/-VKcDNIR3Sqk/V_aPanb6P0I/AAAAAAABKIA/XSdUeendX2wJ_afKOCIIkxkZjW0ZnT0vACLcB/s320/logoCUED.jpg       https://3.bp.blogspot.com/-wxw5W-VCRGA/WAnp69yeyuI/AAAAAAABKgo/LHi490KturcyZQE7KnlK2ZT9taWEUXkgQCLcB/s320/logo-AM2.01.png